Objetivos

A Associação NORDESTA Reflorestamento & Educação foi fundada em 15 de maio de 1985, em Genebra, com o objetivo de preservar as florestas tropicais e melhorar as condições de vida das populações rurais. Ela realiza mais de 50 projetos em todo o Brasil.

Meio Ambiente

  • Conseração de florestas e matas primária, assim como a recuperação de áreas degradadas com o plantio de árvores nativas ;
  • Implantação de viveiros para produção de mudas e criação de empregos locais :
  • Plantar árvores para formar corredores ecológicos afins de interconectar os fragmentos de matas ;
  • Recuperação e proteção de nascentes, instalação de cisternas e captação de águas pluviais para garantir o accesso à água para todos ;
  • Orientação da população sobre a importância das árvores e das florestas ;
  • Apoio a programas de melhoria das condições de vida das comunidades agrícolas ;
  • Prevenção e combate às queimadas e aos seus impactos negativos à biodiversidade brasileira ;
  • Organização de seminários e oficinas em ecoloica para formação de professores que se tornarão agentes multiplicadores ;
  • Estimulo à pesquisa de energias renováveis ;
  • Promoção de conhecimento e capacitação para a criação de abelhas nativas para o favorecimento da pollinizaçâo e das produções agrícolas .

A Educação

  • Construção de escolas e bibliotecas;
  • Formação profissional: oficinas de marcenaria, escultura, pintura, serigrafia , costura, jardinagem e outros.
  • Apoio a formação escolar e profissional de jovens pelo programa de Bolsas de Estudos;
  • Construção e equipamento de centros educativos destinados a hospedar e educar crianças de rua;
  • Participação no programa “Fome Zero”
  • Implementação de Programas de Hortas na Escola, Fruticultura, Apicultura, Meliponicultura, Padaria e Agricultura familiar.

Critérios

Os projetos apoiados pela NORDESTA respondem aos seguintes critérios:

  • A prioridade é dada aos projetos iniciados pela população local;
  • Os beneficiários devem participar na realização do projeto;
  • A autonomia financeira deve ser adquirida a médio e longo prazo;
  • Os beneficiários prioritários são as famílias carentes da zona rural e as crianças;
  • Visar a formação de “Agentes Multiplicadores” para a continuação dos projetos;
  • Os projetos devem apresentar perspectivas de desenvolvimento sustentável e envolver o ser humano e suas relações sustentáveis com o meio ambiente.
  • As comunidades parceiras instalam ou consolidam a sua Agenda 21 local.

Ajude-nos com uma doação